Qual é o melhor dia para se casar?

Durante a semana ou no fim de semana? No início ou no fim do mês? Na hora de marcar a data do casamento, os casais costumam levar em conta a data em que se conheceram, certo? O problema é que nem sempre aquela data tão sonhada cai no dia exato que os noivos gostariam de celebrar a união. “A data escolhida influencia todo o resto. É preciso ter bastante cuidado para não deixar que nada esteja comprometido e que tudo saia como os noivos desejam”, explica Chris Godinho, wedding planner da Duas Eventos. Ela explica como escolher a data ideal para o seu casamento:

 

1 – Dias inviáveis: normalmente, casar no começo do mês torna-se uma opção mais confortável por ser próximo aos dias de pagamento. Os convidados se sentirão mais à vontade e com mais condições financeiras para se prepararem para a festa (isto inclui roupas, cabelo, maquiagem e presentes)

2 – Convidados: pode parecer tolice, mas em todo casamento há alguns convidados que são proibidos de faltar. Para que não haja um conflito de datas, é recomendável conversar com as pessoas mais importantes para que o casamento não coincida com outros eventos ou datas comemorativas

3 – Estações do ano

O clima pode marcar a personalidade do casal. É importante que os cônjuges avaliem o local que será realizado o casamento, como por exemplo: praia no verão ou campo na primavera. Além disso, é preciso pensar na comodidade das pessoas

4 – Orçamento

Alguns meses do ano, como janeiro, maio, setembro e dezembro, são os mais procurados. Por esta razão, os valores acabam ficando acima quando comparados com outros meses. Se o casal pretende economizar, é bom escolher uma data condizente com seu orçamento

5 – Simbolismo

Todas as pessoas têm datas especiais. Celebrar o casamento em dias que marcaram, de alguma forma, um dos noivos é uma boa opção para a realização da cerimônia

No Comments

Leave a Comment