Dicas para amamentar o bebê no avião

Pensar em viajar com bebês pode deixar as mães, em especial as de primeira viagem, com receio em relação à alimentação, vestuário, cuidados com o sol ou com excesso de frio. Mas para não transformar as férias em cansaço e não descanso, algumas dicas podem facilitar essa estadia longe de casa.

 

Confortável

Use roupas confortáveis e um sutiã de amamentação. Muitas mães optam por blusas com botão ou zíper para um acesso mais fácil e discreto no momento da mamada.

Leve uma blusa extra em sua mala de mão para que você possa trocar no caso do bebê regurgitar ou de qualquer outro imprevisto. Lembre-se também de levar itens essenciais como sua pomada de Lanolina HPA e absorventes para seios.

 

Decolagem e Aterrissagem

Há indícios de que o processo de deglutição ajuda os bebês a se adaptarem na mudança de pressão. Portanto, o voo pode ficar mais confortável para seu filho se você der de mamar durante a decolagem e/ou a aterrissagem. Além disso, amamentar durante estes momentos da viagem evita que o recém-nascido tenha dores de ouvido.

 

Na mamadeira

Se você pretende extrair o leite antes da viagem e levá-lo em sua mala de mão para dar ao seu bebê, é importante saber as regras da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC).

Em viagens internacionais, podem ser levados até 100ml de líquidos na bagagem de mão, porém há uma exceção para alimentação infantil, segundo o próprio site da Agência: “Medicamentos (com prescrição médica), alimentação de bebês e líquidos de dietas especiais poderão ser transportados na quantidade necessária à utilização no período total do voo (incluídas eventuais escalas) e deverão ser apresentados no momento da inspeção de segurança”.

 

No Comments

Leave a Comment